terça-feira, 23 de junho de 2020

Triplex ou tríplex? Oxítona ou paroxítona?

Triplex ou tríplex? Oxítona ou paroxítona?

Ambas as formas são aceitas pelos dicionários e pelo VOLP – Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa. Diferença, então, na prática? Nenhuma. Todavia, acho mais sonoro Triplex, oxítona. Sílaba tônica, então, no “e”.

Posso dizer, ainda, que o estudo adequado das sílabas tônicas das palavras vem da ortoepia, que pode ser pronunciada, também, ortoépia, enquanto paroxítona. Prefiro ortoepia. Prosódia, por sua vez, é parte da gramática tradicional que se dedica às características da emissão dos sons da fala, como o acento e a entoação.

Ou seja, a pronúncia ‘ad[e]vogado em vez de ‘advogado’; Direito Ad[e]ministrativo em vez de Direito Administrativo, são erros de prosódia. Silabada, por sua vez, é erro de pronúncia.

Agora, cuidado, voltando: prosódia; prosod[í]a, não. Essa entrada é caracterizada como paroxítona.

E o que são palavras, ou entradas, paroxítonas? Proparoxítonas? Oxítonas? Fica para outro dia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário